Meu namorado ou minhas amigas? Como agradar a todos?

Gostou? Dê sua nota

Desde que comecei a namorar firme, cada vez me sinto mais dividida. De um lado, meu namorado quer que nós passemos mais tempo a sós – o que é natural -, e de outro minhas amigas mais antigas, querendo minha companhia. Tem vezes que, sinceramente, não sei se estou dividindo bem as coisas, isto é, não sei se consigo agradar a todos ao mesmo tempo. E isso, está me deixando aborrecida, como se tivesse obrigação de estar em dois ou mais lugares ao mesmo tempo. Não sei o que faço.

Olá amigas e amigos do Namoro na Boa!
Nada mais natural que, quando estamos num relacionamento amoroso, deixemos um pouco de lado nossas antigas amizades, por mais interessantes que possam ser, para curtirmos, somente a dois, as delícias da paixão e do desejo, além das ingenuidades e brincadeirinhas tão comuns entre namorados. Isso acontece nas melhores famílias, queridos. Nem adianta querer se fazer de onipresente, para agradar a todos. Sabemos que é impossível poder atender essa solicitação de presença, deixe essa pretensão de lado.
Colocar na Balança
É mais do que necessário começar a se utilizar de uma boa dose de medidas, para que você não cometa nenhuma discriminação, seja para com ele, ou com suas amigas (serve para ambos os sexos). O modelo de namorado perfeito não existe, portanto tente ajustar sua agenda, conforme a personalidade de seu namorado e a aceitação de suas amizades. Porém, não ceda muito em relação a ele. Ficar muito tempo coladinhos é muito bom no início do namoro, onde cada um procura descubrir com quem está ficando, quem é essa pessoa de fato, além do tesão, que nesse momento está nas alturas, enchendo-nos de desejos e milhares de curiosidades do tato e do olfato.
Uma boa dica é procurar, desde o início do relacionamento, estabelecer algumas regras práticas para que seu namorado não fique desapontado depois – e também, para que ele saiba que não existe exclusividade, quando está em jogo amizades de longa data. Ma cuidado! Coloque as regras bem claras numa conversa franca, sem meias palavras, fazendo com que ele siaba que você preza muito suas amizades, que não quer ferir os sentimentos de ninguém, mas que quer ter sua liberdade para escolher os momentos para ele e para as amigas. Bem do tipo: depois não vai me cobrar!
Às vezes pode ser inveja…
Não sei se você já percebeu isso, mas posso lhe afirmar que, às vezes, nossos amigos tendem a forçar a barra, querendo a todo o custo nossa presença, mesmo que, para isso, a gente tenha que estragar nossos momentos mais legais a dois. Perigo: não permita ameaças, nem intimidações, isso cheira à chantagem e manipulação, e isso não é próprio de uma verdadeira amiga. Das duas uma: ou
sua amiga tem ciúmes de você, ou tem… inveja. Por isso, olho no lance! Ela pode estar querendo, na verdade, é seu namorado!
Ninguém é dono de ninguém…
É importante prestar atenção no comportamento de seu namorado. Quanto mais obsessivo e ciumento for, pior será sua tarefa de administrar tudo isso. Lembre-se: o namoro pode excluir definitivamente antigas e boas amizades e, quando o tesão se vai, a festa a dois termina, a solidão nunca é uma boa pedida para ninguém. Portanto, nem tanto uma coisa, nem tanto outra. Amizades e namoro costumam não combinar mesmo, porém, se valem a pena, devem ser conservados com carinho, observadas e adequadas à sua disponibilidade e vontade próprias. Não se deixe manipular, viva com intensidade, sabendo separar o que é bom para você, do que é bom para os outros.
Tudo sobre o namoro: manual para garotas, sexualidade, traição, infidelidade, amor, romance, paixão, dicas, testes, pesquisas, sexualidade, verdades e mentiras, sexo, inveja, vídeos

Deixe sua opinião aqui! Comentários com links não serão aprovados, sorry!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: