Namorado bebe demais



Namorado bebe demais
4.5 (89.21%) 89 votes

Namorado bebe demais – Meu namorado, meu marido bebe demais. Sinceramente, eu não consigo fazer ele parar de beber. Será que ele é um alcoólico, alcoólatra? Estamos numa boa, porque ele bebe tanto assim? Não há nenhum motivo para ele fazer isso.

Alcoolismo é uma doença! Por isso, tem que ser encarada como tal. Quem pensa que com conversas pode fazer o alcoólico mudar de vida… pode ir tirando o cavalinho da chuva, porque não é assim tão fácil. Quando se depara com uma pessoa bebendo compulsivamente, até o último gole, sem controle algum, pode ter certeza que isso é sinal de alcoolismo.

 

Namorado bebe demais
Namorado bebe demais

Sintomas clássicos do alcoolismo:

Beber diariamente, sem horários determinados ou motivação para “comemorações”.
Não saber parar de beber, seja em festas, reuniões, em casa.
Trazer bebidas para casa, sempre!
Viver enfiado em botecos, deixando outras atividades anteriores ao atual momento.
Estar sempre dando desculpas esfarrapadas quando está com o copo de bebidas na mão.
Beber logo de manhãzinha, mesmo antes de tomar café da manhã, usando o argumento de que isso é para curar a ressaca.
Violência e agressividade, sempre quando está bebendo, ou após, principalmente quando inventa de sair para buscar mais.
Violência e agressividade, quando o assunto é alcoolismo ou tratamento. (Negação)
Mãos trêmulas ao despertar.
Sempre é um dos últimos a largar o copo numa festa.
Decréscimo de produção no trabalho.
Não querer se alimentar enquanto está bebendo.
Viver dando desculpas porque está “mamado”.
Mudanças de humor repentinas, quando não está bebendo, ou sob o efeito do álcool.
Mudanças repentinas de humor, quando está bebendo a algum tempo.
Mudança das prioridades dele.
Relaxo com as coisas, quando sempre foi uma pessoa organizada.
Relaxo com a higiene pessoal.
Mudanças na hora do sexo.





Ainda existem mais sintomas, mas esses acima já dão uma boa noção para que você entenda o mecanismo do alcoolismo e a dependência física e química que está transformando seu namorado ou marido num ser completamente diferente daquele que você, até a pouco, estava acostumada a viver.

Não existem métodos fáceis, nem simpatias e rezas que possam dar um jeito nesse grave problema. Pior, somente ele poderá mudar algo na sua vida, querendo, de fato, se tratar e retomar seu caminho antes que seja tarde demais para vocês dois.

Por isso, caso tenha possibilidade, procure conversar com ele “quando estiver sóbrio”, de preferência dois dias depois do último porre, expondo seus sentimentos e preocupação pelo caminho que as coisas estão tomando, desde que ele prefere a bebida à sua companhia, ou à sua própria saúde mental e física, além da integridade.

Caso seja necessário, psicólogos podem ser um caminho, dando as orientações básicas para uma mudança radical de hábitos e comportamentos. Depois, o psiquiatra poderá reforçar o tratamento, através de medicação que retire aquela ansiedade advinda da falta da bebida.

Não hesite nesse momento, você pode ter certeza de que estará ajudando ao seu namorado ou amigo, não querendo que a bebedeira continue e, principalmente, mostrará que a vida pode sim ser vivida como uma comemoração de amor, de harmonia e saúde, sem o uso de nenhuma substância alteradora de humor, no caso álcool.

Não deixe a oportunidade pasar em branco: aja agora!
Caso ele não te dê o acesso necessário a esse papo, ou fique violento, vá se acostumando com o fato de que as coisas tendem a piorar ainda mais, caso ele não pare de beber imediatamente. Um imenso número de pessoas são incompatíveis com o álcool, tornando suas próprias vidas um inferno, tornando-se decadentes em todos os setores, além de poderem aprontar coisas piores, como agressões, acidentes e sabe-se o que mais. Não tenha pena! Isso não vai ajudá-lo! Ajude-o, mostrando o quanto você desejaria que ele se tratasse, para que os dois revivam aquele relacionamento especial.

Última: não caia, em hipótese alguma nesses casos, no argumento de que agora ele vai “saber” beber socialmente.




Boa sorte e bjús 🙂

Tudo sobre o namoro: manual para garotas, sexualidade, traição, infidelidade, amor, romance, paixão, dicas, testes, pesquisas, sexualidade, verdades e mentiras, sexo seguro, inveja, vídeos

Deixe sua opinião aqui! Comentários com links não serão aprovados, sorry!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.