Quantas horas por dia na internet? Twitter, Facebook, MSN, etc – dicas

Gostou? Dê sua nota

Quantas horas por dia você fica na frente de seu computador, ou notebook, logado direto no Twitter, Facebook, MSN, ou todos ao mesmo tempo? Será que isso, de alguma maneira, pode estar fazendo mal, ou vir a fazer?

Olá amigas e amigos do Namoro na Boa

Hoje o papo é sobre a quantidade de tempo que pode ser considerada elevada, normal, ou meramente “fast”, de passagem só para dizer um alô aos amigos, quando estamos plugados na internet..
O assunto parece de pouco interesse, mas não é. Atrás dessa mania, que hoje frequenta diuturnamente nosso modo de vida, alterando todo o nosso dia a dia, tornando-nos quase escravos da ‘Rede”, pode sim prejudicar sua vida real. Seja na questão da saúde mental, física, ou ambas, simultaneamente.

Não, eu não estou aqui para traçar diagnósticos, nem tampouco para ditar normativos sobre seu tempo, o seu modo de vida. O nosso papo de hoje visa a esclarecer as pessoas no sentido de que estas possam perceber o quanto de vida real pode estar sendo jogada no quintal do esquecimento e, em seu lugar, uma realidade virtual pode tornar-se cada vez mais presente e, de maneira ditatorial, tirana e cruel, poderá  levar muitas pessoas à exclusão social e à perda de suas qualidades de vida, nisso incluindo-se a saúde, o tesão e até os sentimentos mais legais que guardavam dentro de seus corações.

Quanto tempo na frente de um computador é aconselhável? Existe risco de doença grave?

Problemas na visão, dores musculares, enxaquecas

– dependendo de cada caso, ficar muito tempo à frente de um monitor de video pode trazer uma série de complicações para sua visão: visão embaçada, vontade de dormir mais que o necessário, cansaço nas pernas e articulações, cansaço generalizado, entre outras.

Sedentarismo

A falta de exercícios físicos, mesmo aqueles mais simples, do dia a dia, como caminhar até a padaria, ou ir ao supermercado, às compras, num cinema., etc., pode trazer uma série de problemas físicos, que podem ser simples dores e irritações, até algo mais grave, como respiratórios, cardiovasculares, circulatórios, dentre tantos outros.

Perda de referência com o mundo real.

Perda de amigos, devido ao afastamento da vida social anterior. Afastamento junto a familiares mesmo dentro de casa. Extroversão, excesso de timidez quando vai para qualquer lugar externo, como caminhar na rua do bairro, por exemplo. Sem namorado ou namorada. Isolamento. Solidão. Visão de mundo distorcida, isto significa que novos valores foram gerados a partir da excessiva permanência na frente do PC, removendo os valores anteriores, que fizeram parte de toda uma vida, por mais simples o cotidiano dessas pessoas poderia ser.

Afloração de ansiedade. Estados de embriagues e confusão mental. Caos interior. Dilemas acrescentados, obstáculos novos colocados no caminho. Agressividade potencializada. Perda de referência parcial ou total.
Sentir-se um estranho no ninho.

Esse é, sem dúvida, o ponto X da questão: o mais sério, portanto o de mair risco à integridade física e mental das pessoas que ficam exageradamente à frente de um computador, ou notebook.

Perda da libido ou tesão

É fácil perceber-se o quão apelativa pode ser a mente das pessoas, basta assistir a um video mais caliente e… que desejo de fazer um bom sexo, que saudades de uma pessoa de verdade ao nosso lado. Uma pessoa que possamos acariciar, beijar, obter o mais profundo prazer, só por estar ao seu lado. Até, às vezes, somente o perfume natural do corpo dele ou dela parece preencher todo o espaço vazio, coisa que o mundo virtual não poderá lhe satisfazer.

Com o tempo, começa-se a viver uma vida de “voyeur”, aquele quesente prazer somente em olhar o que outros fazem. Será normal somente ficar espiando?

Dicas úteis

O tempo pode variar de pessoa para pessoa, de acordo com a idade, o estado físico e mental de cada uma.
O dica mais fácil de ser posta em prática é essa: a cada 30 minutos levante-se e faça uma série de alongamentos. Use os alongamentos os braços, nas pernas, na cintura e nas mãos. Fique uns 15 minutos, aproximadamente, alongando seus músculos.

Todo dia caminhar pelo menos de 40 a 50 minutos. Ver gente real, conversar com pessoas reais. Não deixar de fazer suas tarefas, para ficar plugado na rede. Não adiar para amanhã o que tem que ser feito ainda hoje.

Sair para festas e baladas, mesmo que tenha ficado sem muitos amigos reais. Nesse caso, convide alguém mais próximo, só para apoiar sua volta no mundo dos vivos. Para não começar com o sentimento de apreensão e medo, vá em lugares mais próximos à sua casa, mas vá, saia!

Começar a pegar o telefone, e ir conversando com antigos amigos. Isso pode ser um fator positivo para a sua reinserção na vida social, fator facilitador de uma vida mais saudável e certamente mais feliz.

Lembre-se: amigos reais, de verdade, são bem diferentes dos amigos virtuais. Nos primeiros, pode ser dar um grande abraço, tocá-los, beijá-los, ao contrário, os amigos virtuais só podemos imaginá-los, e desejar-lhes coisas boas. Os amigos reais, são de carne e osso, nos trazem carinho e conforto, naquela sensaação de que estamos, de fato, em casa. Já os amigos virtuais… tão longe!

Dica final: todo esse tempo perdido na frente de seu PC ou notebook não voltará mais. Portanto: aproveite enquanto está jovem, ou ainda se sente jovial, para reativar sua vida real. É essa que, no final, pode lhe proporcionar tudo!

Bjús 🙂

Tudo sobre o namoro: manual para garotas, sexualidade, traição, infidelidade, amor, romance, paixão, dicas, testes, pesquisas, sexualidade, verdades e mentiras, sexo, inveja, vídeos

3 comentários em “Quantas horas por dia na internet? Twitter, Facebook, MSN, etc – dicas

  • 14 de outubro de 2011 em 23:14
    Permalink

    esse post é uma realidade do que ultimamente vem acontecendo nas nossas vidas. Eu estava assim , passava o dia no computador, até eu me dar conta do tempo que estava perdendo e comecei a estabelecer limites de tempo não so para o computador mas para tudo que eu faço , percebi que tudo melhorou .
    Que muitas pessoas tambem possam acordar para a realidade atravez desse seu texto, parabens!

    Obrigada tambem pelo comentário no meu blog. Amei , Beijos !!!

    Resposta
  • 12 de outubro de 2011 em 03:39
    Permalink

    Nossa, adorei seu texto…É exatamente o que eu faço já a um bom tempo…Acho que desde de quando criaram o Orkut lá pra 2005 eu acho, meu irmão comprou seu primeiro pc, eu fiquei viciada, esqueci os amigos reais e comecei a ficar mais tempo na frente do computador. Resultado: Engordei, fiquei mais tímida do que já era, sem nenhum amigo, apenas a vidinha virtual. Ou seja, com certeza a internet toma muito tempo da nossa vida, um tempo precioso em que podiamos estar fazendo algo realmente útil. Bem, mas graças a Deus, eu larguei um pouco essa vida, comecei a fazer cursos, conheci gente nova, tenho amigos, e é isso ai, bola pra frente gente, vamos tirar a bunda da cadeira e vamos acordar pra vida real lá fora, temos muito o que viver ainda, a internet é apenas atraso de vida! Bjuus

    Resposta

Deixe sua opinião aqui! Comentários com links não serão aprovados, sorry!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: