Quem tem medo das mulheres? – Simpósio Internacional –

Gostou? Dê sua nota

Temas importantes serão discutidos, como as dificuldades enfrentadas pelas mulheres na atualidade, onde serão abordados os temas: maternidade, masculinidade/feminilidade, sexualidade e as novas etapas da vida adulta, entre outros.

Para quem tem interesse em participar, o evento ocorrerá entre os dias 1/6/2010 a 29/6/2010,

às terças-feiras, das 19h às 21h.

Faltam 5 dias para o início do evento. Duração: 29 dias

Durante as terças-feiras do mês de junho, sempre das 19h às 21h, o Instituto Cervantes de São Paulo apresenta o simpósio internacional “Quem teme as mulheres?”.
A série de encontros, realizados nos dias 1, 8, 22 e 29 de junho, contará com a presença de convidados nacionais e estrangeiros, como Dora Barrancos (Universidade de Buenos Aires, Argentina), Márcia Tiburi (Universidade Mackenzie), Adelina Sanchez Espinosa (Universidade de Granada, Espanha), Regina Silveira (Universidade de São Paulo), Judith Astelarra Bonomi (Universidade Autonoma de Barcelona, Espanha), Helena Hirata (Centro Nacional de Pesquisa Científica, França), Dolores Juliano (Universidade de Barcelona) e Maria Filomena Gregori (Universidade Estadual de Campinas).

Os temas dos encontros são: “As mulheres no mundo do trabalho: vicissitudes na era da flexibilidade”, “Masculinidade/feminilidade: maternidade, sexualidade e as novas etapas da vida adulta”, “Presença e sensibilidade da mulher da arte atual: literatura, artes plásticas e teatro” e “Gênero e sexualidade”.

O evento é gratuito e será realizado no auditório do Instituto Cervantes, localizado na Av. Paulista, 2439, Bela Vista, São Paulo (SP).

Mais informações: [email protected] e pelo fone: (11) 3897-9609.

Quem teme as mulheres?
Agência FAPESP

Tudo sobre o namoro: manual para garotas, sexualidade, traição, infidelidade, amor, romance, paixão, dicas, testes, pesquisas, sexualidade, verdades e mentiras, sexo, inveja, vídeos

Deixe sua opinião aqui! Comentários com links não serão aprovados, sorry!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: