O AMOR ESTÁ MORRENDO???


Ser capaz de assumir que a história de amor não teve um final feliz é uma das provas mais duras para algumas mulheres. Não é algo fácil reconhecer que o poderoso sentimento provocado pela outra pessoa foi embora. Confira abaixo algumas pistas descritas por quem já experimentou essa situação e reconheça quando a relação não tem mais volta.

Falta de sexo

É claro que quando o amor se vai, o sexo também. Você já não tem vontade de fazê-lo ainda que tenha todas as noite ao lado do parceiro e toda a disposição. É como se você estivesse com um irmão, inclusive quando ele te toca, já não é mais a mesma coisa. E você tem que se esforçar para sentir um quarto do que sentia por ele antes”, conta Paola, 27 anos. Para esta mulher, a falta de desejo por seu parceiro é determinante na hora de saber o que verdadeiramente sente por ele.

Adeus desejos

“Creio que é bem complicado se dar conta de que o amor acabou, mas comigo percebi quando deixei de ter desejos loucos para saber o que ele estava fazendo, de ligar para ele durante todo o dia e de mandar mensagens. Penso que o interesse pessoal e sexual é o que diferencia seu parceiro de um amigo”, afirma Angela, 25.

Diversão limitada

“Eu comecei a me dar conta de que algo estava errado quando a cada saída terminávamos brigando. A noite podia começar excelente, mas sempre algo acontecia e nos irritávamos. A medida que isso se repetia, mais nos distanciávamos. Era como um círculo vicioso. Chegamos até a passar a comemoração do nosso aniversário de namoro dessa maneira”, recorda Marcela, 30.

Silencios eternos

“A coisa mais pesada que acontece quando tudo já está se acabando, é descobrir que não há mais assunto, não há o que falar com o outro. Ou seja, se acontecem coisas novas durante o seu dia, você não sente a menor vontade de contar para seu namorado. É como se ele não fizesse mais parte da sua vida”, confessa Francisca, 25.

Terceiros em cena

“Outro sinal claro é quando você se descobre olhando para o lado. A repentina atração por outros homens é uma indicação de que algo está ruim na relação, porque em geral eu sou bem fiel. Se você olha com outros olhos os seus companheiros de escritório ou os homens na rua é como um despertar. Eu creio que ali não há nada mais a fazer. O melhor é terminar para não se tornar infiel”, destaca Andrea, 27.

fonte: http://mulher.terra.com.br/

Tudo sobre o namoro: manual para garotas, sexualidade, traição, infidelidade, amor, romance, paixão, dicas, testes, pesquisas, sexualidade, verdades e mentiras, sexo, inveja, vídeos

3 comentários em “O AMOR ESTÁ MORRENDO???

  • 27 de fevereiro de 2010 em 00:18
    Permalink

    sabe e horrivel viver guando nao se gosta mais parece um vaziu , uma dor no peito vontade de recomeçar em outro lugar, e as vezes nao temos coragem o bastante queria ter para ser feliz ele me ama mas eu nao alguma coisa se perdeu no caminho e nao tem volta espero um dia ser feliz e corajosa pois e muito dificil depois de dez anos beijos!!!!!!!!!

    Resposta
  • 6 de fevereiro de 2009 em 20:36
    Permalink

    Luciana, claramente esses são textos muito generalizados, não tratam das situações mais aflitivas e agustiantes, mas ninguém possui a “fórmula sob medida” para cada relacionamento.
    Mas bem que poderia se achar por aí… e rapidamente.
    Caberiam muitas mais palavras em seu comentário, tanto coo na minha réplica mas, com a complexidade do tema, poderiam surgir artigos mais densos e não superficiais, aqueles que atuam no âmago da questão…
    De qualquer forma, serve como guia para iniciantes…
    Abraço e brigadú pelo coment!

    Resposta
  • 6 de fevereiro de 2009 em 19:21
    Permalink

    Concordo com todos esses itens, Aurélio, no entanto, eu trocaria o item “diversão limitada” por “diversão nenhuma”. Se ambos não se amam mais, não há mais vontade de sair juntos e se divertirem. São horas intermináveis do final de semana olhando pro teto,literalmente. É preferível isso a ter que sair com quem não se está a fim. É como uma repulsa! Penso que deveria ser mais fácil terminar com uma relação morta. Mas por experiência própria, percebo que não é. Beijos!

    Resposta

Deixe sua opinião aqui! Comentários com links não serão aprovados, sorry!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: