Fetiche Sexual é Normal?


Alguns dos fetiches sexuais mais comuns na nossa cultura são relacionados ao uso de roupas íntimas, como calcinhas vermelhas e cintas-ligas. Também são comuns os fetiches ligados ao uso de couro ou látex, a perucas, a jóias, a sapatos de salto alto durante o ato sexual, a vestimentas de colegial, enfermeira, aeromoça, soldado, bombeiro, surfista, entre outros.

De acordo com a terminologia da área psiquiátrica e psicológica, um fetiche é um objeto inanimado que dá ao seu portador um valor simbólico, despertando o desejo sexual. O fetiche pode estar relacionado ao imaginário popular, às imagens apresentadas como desejáveis pela mídia, como o uso de determinados objetos, ao cheiro do parceiro, aos cabelos ou a alguma parte do corpo, por exemplo, nádegas, seios ou pés. Assim, o fetiche sexual está associado à posse de uma ampla gama objetos e/ou características físicas capazes de provocar excitação no próprio portador ou em outra pessoa.

Existem homens para os quais os pés das mulheres são irresistíveis. Alguns chegam a deliciar-se ao lamber um salto de sapato. Da mesma forma, há mulheres que podem atingir o orgasmo ao tocar um cinturão de couro ou num par de pernas de calças masculinas. O fetichista pode mesmo se satisfazer sexualmente sem a presença de um parceiro, bastando-lhe a posse e/ou o uso do objeto-fetiche.

O psicanalista Sigmund Freud, em 1887, descreveu o fetichismo sexual como parafilia, isto é, como um desvio sexual, na medida em que o objeto de afeto é colocado num objeto inanimado. Nos dias de hoje, os estudiosos da psicologia acreditam que o fetichismo deva ser considerado um desvio sexual quando interfere numa vida sexual saudável, ou seja, quando a inclinação fetichista torna-se uma atitude de vida.

Tudo sobre o namoro: manual para garotas, sexualidade, traição, infidelidade, amor, romance, paixão, dicas, testes, pesquisas, sexualidade, verdades e mentiras, sexo, inveja, vídeos

3 comentários em “Fetiche Sexual é Normal?

  • 16 de junho de 2009 em 22:20
    Permalink

    Lindas, sedutoras e inteligentíssimas amigas: Ariana e Sissym, tem gente que é,mas não sabe que é kkk

    É que o termo fetiche, para alguns, ainda soa como algo pernicioso. Claro que é questão cultural, ou falso moralismo (acho mais adequado). O fato é que cada um leva seu fetichinho escondidinho (ou não) para a cama (ou não) kkk

    Beijo 1 e 2 ou vice-versa
    Melhor: Beijos 🙂

    Resposta
  • 12 de junho de 2009 em 16:08
    Permalink

    Fetiche… sempre temos uns escondidinhos aqui!

    Vou lá votar! Bjs

    Resposta
  • 12 de junho de 2009 em 14:35
    Permalink

    É claro que fetiche é normal, Aurélio.
    Porém, nada exagerado, que vá comprometer o parceiro, mas um fetichezinho básico e inocente é mais do que normal e saudável também.
    Ótimo post o de hoje!

    Beijos neste dia tão sugestivo!

    Resposta

Deixe sua opinião aqui! Comentários com links não serão aprovados, sorry!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: