Dor de amor

Dor de amor
4.5 (89.27%) 82 votes

Dor de amor – Amar dói? Então, porque eu sofro tanto? Uma das características mais marcantes é a dor de amor, quando não se é correspondida na mesma proporção de que oferece seu amor a outra pessoa. Porém, quando estamos envolvidos nesse tipo de sentimento, tudo fica confuso, como se houvesse uma camada de poeira envolvendo nossos olhos, deixando-nos quase cegos.

Dor de amor
Dor de amor

Na verdade, quando existe, de fato, amor entre duas pessoas, não deveria, teoricamente, existir dor. Se esse sentimento existe e vive se manifestando continuamente… sinal de que algo está errado nessa relação de troca, que permeia as relações amorosas. Algum dos dois está se doando menos ou, ainda, pode existir o sentimento de propriedade, que vem com o ciúme exagerado, deixando a pessoa escrava da possessão.

Então, em outras palavras, quando amar alguém te faz sofrer, é porque essa pessoa não te ama da maneira que você gostaria que amasse ou, por querer algo que a pessoa não pode te oferecer, você se sente enjeitada, colocada num segundo plano.

Como controlar isso? Há uma maneira de fazê-lo?

Sim, mas deve começar com você mesma, no seu âmago, na sua essência, mudando sua concepção de amor, o que não é fácil, mas é fundamental para parar de sofrer continuamente. Ao saber que “ninguém é de ninguém”, ou “ninguém pertence a alguém”, usar isso como um escudo, entrar numa relação sem muitas expectativas, deixando a coisa fluir naturalmente, sem cobranças, medos e sentimentos nocivos a você, que a remetam à experiências traumáticas anteriores.

Importantíssimo: pare para pensar na sua relação. Veja se realmente vale a pena investir nesse amor, analise o quanto ele ou ela está disposto a dividir seus sentimentos com você. Em muitos casos, quando não se é ciumenta e possessiva, pode-se estar vivenciando um amor de uma única mão (como no trânsito), onde não há reciprocidade e, nesses casos, não vale a pena sofrer por alguém que não está nem aí pro seu sentimento.

Esses são os pequenos segredos, cabe a você descobrir outros, para que tenha uma vida amorosa mais prazerosa e feliz!

Difícil? Sem dúvida, mas podemos afirmar: dói muito menos, quando acaba!

Fique bem, cuide-se bem 😉

Tudo sobre o namoro: manual para garotas, sexualidade, traição, infidelidade, amor, romance, paixão, dicas, testes, pesquisas, sexualidade, verdades e mentiras, sexo seguro, inveja, vídeos

4 comentários em “Dor de amor

Deixe sua opinião aqui! Comentários com links não serão aprovados, sorry!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: